Como ganhar mais dinheiro com investimentos de baixo risco

Como ganhar mais dinheiro com investimentos de baixo risco

Para ganhar mais dinheiro é preciso correr mais riscos, certo? Não necessariamente. Em muitos casos, é possível obter uma rentabilidade um pouco melhor sem correr mais riscos, e este pequeno ganho fará uma enorme diferença no seu futuro. Com um pouco de estudo e pesquisa, obter ganhos adicionais anuais de 1 a 2% (ou até um pouco mais) é algo bastante factível. Veja abaixo algumas dicas de como ganhar mais dinheiro mesmo com investimentos de baixo risco. Continue lendo…

Compartilhe este artigo: 
Aumento da taxa de juros

Taxas de juros do cheque especial atingem novos recordes

Com as seguidas altas da taxa Selic, as taxas de juros das diversas modalidades de empréstimos e financiamentos também subiram. No entanto, algumas delas, como o cheque especial, apresentaram fortes altas, muito mais do que em outras modalidades. Continue lendo…

Compartilhe este artigo: 
pagueavista

Pague tudo à Vista e garanta um Futuro Tranquilo!

Não acredito em regras mágicas e simples para alcançarmos a nossa Independência Financeira, buscando uma vida sem dívidas e com um bom patrimônio pessoal. Mas se eu tiver que te dar somente uma dica, uma só, para lhe ajudar nesta busca, aqui vai: “Pague Tudo à Vista!”. Parece uma tarefa difícil? Bem, eu não disse que seria fácil … mas pelo menos é uma regra simples.

Continue lendo…

Compartilhe este artigo: 
Ibovespa x CDI

Ibovespa ou CDI: Qual indicador rendeu mais em 20 anos?

Quem investiu R$ 100 no Índice Bovespa em 30/jun/1994 teria em 20/abr/2015 um saldo de R$ 1.483,80, um retorno de 1.383% em pouco mais de 20 anos. Para se ter uma ideia, a inflação medida pelo IPCA neste mesmo período foi de 392%. No entanto, o CDI apresentou um desempenho ainda melhor neste período. Continue lendo…

Compartilhe este artigo: 
compre_menos

Pratique o Desapego! Desfaça de coisas, compre menos!

Não queremos fazer plágio nem propaganda gratuita da empresa que prega o ‘desapego’, mas a ideia não é ruim! A nossa Vida Financeira (e talvez até a emocional … mas não vamos entrar neste detalhe) pode melhorar a partir do momento que passamos a nos desapegar de uma séria de coisas. Inicialmente você vai se sentir meio que abandonado, sem rumo. Mas não desista e veja algumas dicas a seguir.

Continue lendo…

Compartilhe este artigo: 
Aumento dos saques na poupança

Saque recorde na poupança em 2015

Seja pela crise econômica ou seja pela baixa rentabilidade na comparação com outros investimentos de baixo risco, a caderneta de poupança registrou um recorde de saques nestes primeiros meses de 2015. Até o dia 8 de abril, a diferença entre aplicações e resgates (captação líquida) ficou em R$ -20,38 bilhões, pior resultado desde o início da série histórica. O recorde negativo anterior é de 2003, quando foi registrada captação líquida negativa de R$ 10,42 bilhões. O último ano em que a poupança teve captação líquida negativa foi 2005 com R$ -2,72 bilhões. Continue lendo…

Compartilhe este artigo: 
IPCA mar-15

Inflação bate novo recorde em março: 1,32%

A inflação medida pelo IPCA registrou mais uma alta expressiva neste ano de 2015: 1,32% em março, conforme divulgação realizada pelo IBGE no dia de hoje. Com as altas de 1,22% em fevereiro e 1,24% em janeiro, o IPCA já acumula variação de 3,83% no ano e 8.13% em 12 meses. Continue lendo…

Compartilhe este artigo: 
cadastro_positivo_

Cadastro Positivo: o que aconteceu com ele?

Você se lembra das primeiras notícias sobre o Cadastro Positivo? Ele foi anunciado em 2012 e entrou efetivamente em operação em meados de 2013, sendo considerado um verdadeiro “novo marco para o consumidor brasileiro”. Um ideia realmente interessante, que buscava transformar a informação sobre o histórico financeiro pessoal em juros menores. Depois de todo este tempo, como evolui esta iniciativa?

Continue lendo…

Compartilhe este artigo: 
Cartão de crédito - Pagamento mínimo x parcelamento

Cartão de crédito: é melhor fazer o pagamento mínimo ou parcelar a fatura?

Obviamente, o melhor mesmo é pagar a fatura de forma integral e sem atraso. Para quem não tem dinheiro suficiente para isso, a melhor alternativa é obter um empréstimo com baixa taxa de juros, como crédito consignado, por exemplo, e quitar a fatura. No entanto, para quem não tem muitas opções de crédito e está com o orçamento curto, aceitar a proposta de parcelamento oferecida pelo cartão pode sim ser uma saída melhor do que realizar o pagamento minimo. Continue lendo…

Compartilhe este artigo: 
imposto_procrastinacao

Imposto de Renda e a Procrastinação: não deixe para depois!

Você é daqueles que sempre entrega o IR nos últimos dias? E todo ano é aquele mesmo desespero? Na última hora tem que ficar procurando recibos, extratos do banco, comprovantes da empresa. E para ajudar, dá problema no computador, a internet fica extremamente lenta e o papel da impressora acaba? Está na hora de mudar.

Continue lendo…

Compartilhe este artigo: 
x
Assine nossa Newsletter

Digite o seu email e mantenha-se informado,