Todos que já passaram pela experiência de construir ou reformar o imóvel sabe das dificuldades desta empreitada! E um dos pontos mais importantes para quem vai “encarar” esta atividade é a compra de material de construção.

Para lhe ajudar um pouco, confira as dicas que foram disponibilizadas pela Fundação Procon/SP:

1) PLANEJAMENTO
As primeiras decisões sobre o que, quando, quanto e onde comprar são determinantes para uma boa escolha. um bom planejamento ajuda a evitar desperdícios de materiais (madeira, cimento, brita, ferro, água etc.) e contribui para tornar sua obra ou reforma mais econômica e com um melhor acabamento.

Organizar as informações em uma tabela com preços, quantidades, medidas, demais especificações, dados de contato de lojas e prestadores de serviços facilita boas compras de produtos e contratações de serviços. não se esqueça de fazer previsão de possíveis perdas no transporte e manuseio do material, evitando ter que voltar à loja e correr o risco de não mais encontrar o produto.

2) QUALIDADE
Dê preferência aos produtos com selo de qualidade da Associação Brasileira de normas técnicas (ABnt), do Instituto nacional de Metrologia, Qualidade e tecnologia (InMetro) ou do respectivo órgão normatizador.

3) MERCADO INFORMAL
Cuidado com as produções “artesanais”. há produtores que trabalham clandestinamente. Alguns colocam no mercado produtos com as mais variadas irregularidades: medidas fora de padrão, sem identificação do fabricante, falta de informações obrigatórias em embalagens ou na própria peça (como no caso de dimensões gravadas em tijolos),etc.

4) PRODUTOS FORA DE LINHA
Produtos como pisos, azulejos e louças sanitárias costumam sair de linha com muita frequência. Produtos fora de linha representam um
risco para o consumidor de não estarem mais sendo comercializados, caso haja a necessidade de reposição do material.

5) PREÇOS
Pesquise preços em lojas, jornais, revistas especializadas e internet, mas compare produtos idênticos. Para tanto, verifique as variedades de opções considerando o material de que é fabricado, medidas, cor e outras informações.

6) ENTREGA DO MATERIAL NA OBRA
Confira todos os produtos descritos no pedido e na nota fiscal na hora da entrega, verificando se quantidades, medidas, tonalidades e demais especificações estão de acordo com o documento. Caso observe qualquer alteração com relação ao pedido não aceite a mercadoria,tampouco assine qualquer documento. Anote no verso da nota fiscal o motivo da recusa. Caso não possa estar no local para receber o produto, oriente o responsável a agir dessa forma. em seguida, entre em contato com a loja para resolver a questão. não obtendo resultado, recorra a um órgão de defesa do consumidor de sua cidade.

VEJA TAMBÉM:

- Comprar ou alugar imóvel para morar?

- Qual é o seu maior ativo? Ouro, carro, casa?

- Como investir pouco dinheiro?

 

Caso queira comentar este e outros textos, por favor, encaminhe uma mensagem para contato@minhaseconomias.com.br