Na tentativa de buscarmos a riqueza (e uma vida melhor e mais equilibrada, principalmente!), pensamos nos êxitos e vitórias que temos que conquistar em nossa vida. Mas além disso é sempre bom focarmos em alguns hábitos ou objetos que devemos descartar do nosso cotidiano para ‘acelerar’ este processo.

Alguns destes itens a serem excluídos de sua vida podem não ter uma relação direta com a sua situação financeira e por isso passam despercebidos. Mas veremos que eles afetam sim o nosso bolso de uma maneira relevante.

1. Vida não saudável.

Uma vida que não seja saudável tem um efeito direto na sua saúde física e mental, mas não afeta imediatamente as suas finanças.

Aliás, muita gente reclama que há um custo muito maior para se manter uma vida saudável: há gastos maiores com a alimentação mais equilibrada e de melhor qualidade, gastos com a academia para os exercícios físicos e aí vai.

Porém, manter uma vida pouco saudável lhe trará os seguintes malefícios:
- Sua expectativa de vida irá diminuir. Ou seja, a tão sonhada aposentadoria tranquila pode realmente não acontecer pelo fato de você não estar mais aqui para curti-la.
- A maior probabilidade de doenças e complicações de saúde aumentarão os seus gastos com médicos, hospitais e remédios. O dinheiro que você poderia usar para viajar terá que ser direcionado para as despesas com a saúde.
- Uma saúde abalada influencia diretamente a sua produtividade, motivação e disposição no dia a dia. E isto fará com que boas oportunidades de aumentar a sua riqueza (como uma promoção no trabalho ou investir de uma maneira sábia) sejam desperdiçadas.

Todo investimento em sua saúde, seja na forma de tempo dedicado a isso ou na forma de dinheiro, deve ser mantido e incentivado!

2. Pensamentos de curto prazo.

“Só se vive a vida uma vez e eu não sei o que acontecerá comigo amanhã. Então vamos aproveitar o hoje”. Esta é a grande desculpa das pessoas que buscam o máximo de satisfação pessoal no curto prazo.

Pessoas de sucesso sempre equilibram o curto, o médio e o longo prazo.

ficar_rico_interior

3. Acreditar em soluções mágicas.

Quem não sonha em ganhar a Mega Sena e viver a vida dos sonhos? E tem muita gente que joga na loteria “profissionalmente”, colocando todas as suas esperanças nesta solução que não chega a ser milagrosa, mas certamente tem poucas chances de ocorrer.

Ganhar dinheiro da noite para o dia exige muita (mas muita mesmo) sorte ou então atividades ilícitas. Nós desaconselhamos estas duas alternativas.

Desista das soluções mágicas e aprenda a gostar de conquistar o seu próprio caminho de modo honesto e sustentável.

4. Só ficar na Teoria.

Estudar novas estratégias para a sua carreira ou o seu negócio, definir planos e metas, buscar novos conhecimentos em livros e na internet: tudo isso é imprescindível para que você alcance uma vida equilibrada e de sucesso. Mas só isso não basta.

Além de tudo isso, é preciso agir! Não fique só na Teoria, parta para a Prática e vá ajustando o seu caminho e suas convicções à medida que avança!