Já abordamos aqui alguns aspectos que deveriam ser sempre lembrados na hora de planejar a sua festa de casamento (“Lições de Educação Financeira com a Festa de Casamento”). Mas agora temos um caso bem “Real” (perdão pelo trocadilho da expressão) e atípico: o casamento de Kate e do Príncipe William.

Segundo uma reportagem da CBS (“Royal Wedding could cost UK economy $50 billion”), o custo total do casamento pode chegar a incríveis 50 bilhões de libras. Um absurdo, não?

É claro que este valor não inclui somente os gastos com a festa em si. Por exemplo, gastos com segurança, policiamento e horas extra das pessoas envolvidas podem alcançar um custo de mais de 35 milhões de libras. Mas a conta ainda não fecha.

O maior custo vem do fato de que o dia do casamento é considerado um feriado nacional. E como a festa cai justamente entre dois grandes feriados do país, os economistas estimam que este será um período de 11 dias totais, mas com apenas 3 dias úteis. E as muitas pessoas “não trabalhando” por tantos dias é que faz o custo atingir os 50 bilhões.

A boa notícia? Parte de todo este gasto será compensado pelo aumento dos gastos dos turistas que irão prestigiar o casamento, o que pode render cerca de 80 milhões de libras em receitas aos ingleses.

Bem, esta pode ser uma notícia um pouco sensacionalista. Mas nos faz refletir sobre até que valor vale a pena gastar em nossas festas de casamento, mesmo elas não sendo tão “Reais” assim.