O Minhas Economias possibilita a criação de até três níveis de categorias. Isto lhe permite organizar suas categorias de forma a facilitar a análise de suas despesas. Por exemplo, você pode criar uma categoria chamada “Alimentação” e dentro desta você pode criar algumas outras como “Restaurante”, “Supermercado” e “Padaria”. Assim, você poderá fazer macro-análises do tipo “Quanto os gastos em alimentação representam em meu orçamento mensal?”

Como devo organizar minhas categorias

Ao observar que os gastos em alimentação neste mês foram bastante elevados, sua próxima pergunta será: “Como eu gastei tudo isto em Alimentação?” Neste ponto, você poderá então filtrar as despesas que compõem esta categoria, ou seja, analisar os gastos despendidos em restaurante, supermercado e padaria.

Caso queira rastrear melhor suas despesas, você poderá ainda criar mais um nível de categorias. Digamos que queira verificar quanto gasta em restaurantes no decorrer da semana de trabalho e a lazer nos finais de semana. Duas novas subcategorias podem ser criadas dentro da subcategoria “Restaurante”. Exemplos: “Restaurante Trabalho” e “Restaurante Lazer”. Com isto, ao verificar que seus gastos em restaurantes estão bastante elevados, você pode fazer mais uma análise, olhando apenas para a subcategoria “Restaurante”.

Finalmente, ao verificar que o gasto em restaurantes nos finais de semana foi excessivo, você poderá então tomar as medidas necessárias para equilibrar suas contas: cortar os gastos nesta subcategoria ou aumentar sua receita ? – mas aí a decisão fica por sua conta!

Confira os tutoriais.